MP DENUNCIA ‘PROPINOCRACIA’ E ACUSA LULA DE SER ‘O COMANDANTE MÁXIMO’ DA CORRUPÇÃO

    às: 16:34 , atualizado em 14 de setembro às: 19:21
    245
    0
    deltan1
    Deltan Dallagnol: promotor aponta Lula como o “comandante máximo” do esquema de corrupção

    Na histórica entrevista coletiva desta quarta-feira (14), em Curitiba, o promotor Deltan Dallagnol acusou o ex-presidente Lula de ser o “comandante máximo” e o “grande general” do megaesquema de corrupção que chamou de “propinocracia”.

    Disse que o escândalo do petrolão seria apenas uma parte “de um esquema muito maior”, ou seja “o governo regido pela propina”, referindo-se aos governos petistas.

    As frases do promotor foram todas bombásticas: “No ápice dessa organização criminosa está o sr. Lula”.

    Segundas investigações a força-tarefa da Lava Jato, Lula pessoalmente teria recebido propinas no valor de R$ 3,7 milhões, por meio das reformas do triplex do Guarujá e outros benefícios, só da construtora OAS.

    Segundo ele, os governos petistas criaram uma “estratégia corrompida de governabilidade”, comprando apoio político no Congresso e junto aos grandes empresários por meio de vantagens estatais.

    E Lula “estava no topo dessa pirâmide de poder”.

    A entrevista da força-tarefa da Lava Jato começou às 16h10 e prosseguiu até o final da tarde.

    SEM COMENTÁRIOS