Lula se recusa votar; ele poderia repetir Trump: “só aceito o resultado se eu ganhar”

    às: 22:22 , atualizado em 30 de outubro às: 22:23
    249
    0

    Lula confirmou a informação que circulou no final da semana e recusou-se a perder seu tempo indo votar neste domingo (30) em São Bernardo, sua cidade.

    A alegação foi a pior possível: como tem 71 anos, está constitucionalmente dispensado do voto obrigatório.

    marcus-lula
    Lula com seu enteado Marcus Lula, que não se reelegeu vereador em São Bernardo

    Na verdade, Lula preferiu ficar em casa para não ter de reconhecer a incontestável vitória da oposição em São Bernardo, onde disputaram o segundo turno o deputado estadual tucano Orlando Morando, o eleito, e o deputado federal Alex Manente (PPS), dois nítidos adversários do PT.

    O eterno candidato presidencial do PT deu, assim, uma mostra do que realmente pensa sobre a legitimidade do processo eleitoral e sobre seu papel de líder político.

    Poderia fazer suas as palavras de Donald Trump, o candidato presidencial republicano nos Estados Unidos, que prometeu reconhecer o resultado eleitoral de 8 de novembro, mas só “se eu vencer”.

    Para Lula, assim como para Trump, eleição boa só é aquela em que seu candidato vence.

    É o que ambos pensam sobre democracia.

    SEM COMENTÁRIOS